ANESTESIA INALATÓRIA

A anestesia geral volátil ou inalatória representa, hoje em dia, uma das intervenções anestésicas mais seguras. O anestésico é inalado pelo animal e a nível pulmonar é absorvido pela corrente sanguínea, permitindo rápida indução, metabolização e eliminação da droga. 

Isso favorece o controle do plano anestésico e rápida recuperação pelos animais. 

MONITORAMENTO
A monitorização cardíaca no trans-operatório promove maior segurança durante o procedimento anestésico, permitindo acompanhamento contínuo da frequência cardíaca e saturação de oxigênio, dados importantíssimos que possibilitam detectar reações adversas precocemente, evitando complicações.



Voltar à página principal