Calopsita

A calopsita é um psitacídeo de pequeno porte, originária do continente australiano. No Brasil, é uma das aves mais comumente criadas em cativeiro, não só pela facilidade da criação, mas também por sua beleza e grande interatividade com o ser humano.

Como não é espécie nativa do Brasil, seu comércio e criação são livres. Tem a habilidade de falar algumas palavras e de cantar. 

São encontrados nas mais diversas cores, sendo as mais comuns o branco, o amarelo e o cinza. Por ser uma ave que vive em bandos na natureza, aceita viver com outras aves em cativeiro, não sendo territorialista como outras espécies. 

A expectativa de vida desta ave é em média 10 anos, no entanto há casos de aves que chegaram aos 32 anos.

O dimorfismo sexual (diferenciação entre machos e fêmeas) mais evidente é o comportamental. O macho possui canto contínuo. Já a fêmea apresenta canto curto e cabeça de cor mais fraca. Em algumas cores é possível visualizar penas listradas ou amarelas na cauda das fêmeas. É uma ave de fácil reprodução em cativeiro. O período de reprodução vai de agosto a janeiro, mas existem casais que se reproduzem durante todo o ano. A fêmea faz postura variável quanto ao número de ovos (de 3 a 6 ovos), dependendo da fertilidade do casal. O período de incubação dos ovos varia de 17 a 22 dias. Quando nascem os filhotes, os pais tratam de alimentá-los até que se tornem independentes.

A alimentação dos periquitos australianos é baseada em sementes, verduras, frutas, legumes e suplementos vitamínicos e minerais. O uso de ração extrusada é a melhor recomendação.

Em relação ao recinto, você pode utilizar uma gaiola bastante ampla ou um viveiro. Estes devem possuir poleiros de madeira (com diâmetro adequado para os pés da ave) e o assoalho deve ser de fácil higienização (prefira utilizar jornal como forração), sem permitir que as aves tenham contato com fezes e urina. Os comedouros e bebedouros não devem ficar no assoalho ou embaixo dos poleiros, pois assim podem ser contaminados com fezes e urina. A utilização de brinquedos (espelhos, contas, cordas, balanças) também é válida no entretenimento das aves. O ninho para reprodução deve ser uma caixa de madeira nas dimensões mínimas de 20cm x 20cm x 30cm. Evite criar apenas uma ave, sempre crie em pares ou em grupo.

As principais doenças que acometem as calopsitas são as respiratórias, as nutricionais e as parasitarias. Evitar a consangüinidade (cruzamento entre familiares) é importante para que não ocorra nascimento de filhotes defeituosos.